Qual o motor do C5?

O motor é um 1.6 litro turbo de 170 cv ou 1.8 litro turbo de 200 cv, ambos com câmbio automático Tiptronic de seis marchas.

Como funciona a suspensão do C5?

O princípio de funcionamento da suspensão hidropneumática da Citroën sempre foi, em essência, o mesmo. O fluido hidráulico fornece a sustentação e, controlado por uma bomba, possibilita que se altere a altura da suspensão e até mesmo, caso necessário, se dirija o carro sobre apenas três rodas.

Quantas marchas tem o C5 2010?

13 de out, 2010 · 3 minutos de leitura. Destaque do C5 é o conforto Crédito:Mesmo equipado com motor 2.0 de 143 cv a gasolina, câmbio automático sequencial de apenas quatro marchas e tabelado a R$ 102.830, sedã de luxo da Citroën tem vendas razoáveis no Brasil.

Como funciona a suspensão do Xantia?

Como o XM, o Xantia oferecia a suspensão Hydractive (hidroativa), que adotava esferas preenchidas por fluido e nitrogênio com controle eletrônico (nas versões mais simples não havia eletrônica) em vez de molas e amortecedores. Com isso, a assistência dos freios usava fluido e não o habitual vácuo.

Como funciona a suspensão pneumática?

Para que tudo isso funcione, primeiramente, as molas do carro são retiradas e no lugar são colocadas as bolsas de ar, que fazem o ajuste da altura. No momento de prender o ar, o carro é levantado. Ao acionar o equipamento novamente o ar é expelido da bolsa e nesse momento o automóvel fica rebaixado totalmente.

Como funciona a suspensão hidráulica?

O sistema de suspensão hidráulica substitui as molas tradicionais mecânicas para dois fluidos: um líquido (óleo mineral) e outro gasoso (gás nitrogênio). O amortecimento da suspensão hidráulica faz com que o balanço seja quase que extinguido por completo, deixando o passeio com o máximo de conforto.

Imperdível também, confira...

Assine nossa newsletter

Receba as melhores postagens, dicas e ofertas por email